Com infraestrutura completa e sustentável, o condomínio reúne escritórios flexíveis e galpões logísticos para atender às demandas das empresas

Por Abril Branded Content

access_time 24 jan 2019, 18h16 – Publicado em 24 jan 2019, 18h14

Tendência do segmento de real estate nos Estados Unidos e na Europa, os condomínios de uso misto visam trazer espaços eficientes, funcionais e que proporcionem qualidade de vida e conveniência em um único local. Uma das referências desse segmento no Brasil é o moderno Parque Corporativo Bresco Viracopos, idealizado para atender a demandas logísticas, administrativas e centros de treinamento, comerciais, industriais e de tecnologia.

Localizado em Campinas (SP), ao lado do aeroporto de Viracopos e com acesso direto à Rodovia Santos Dumont, o empreendimento tem aproximadamente 1 milhão de metros quadrados de terreno e 418 000 metros quadrados de área total a ser construída, dos quais um terço já está em operação por clientes como John Deere, Azul Linhas Aéreas, Embraer Savis, UPS, GolLog e Benteler.

Composto por imóveis prontos para locação bem como áreas para construção sob medida (built to suit) de acordo com as necessidades dos novos clientes, o Bresco Viracopos possui infraestrutura completa, que inclui: Hotel Ramada com 200 quartos, parque linear com 247 000 metros quadrados de área verde preservada para prática de exercícios, centro de conveniência com serviços de academia e restaurante,  segurança 24 horas, tratamento de efluentes, fibra ótica, rede de energia e água.

É um empreendimento único no Brasil e se diferencia, sobretudo, pelo viés sustentável, pela preocupação com o bem-estar dos usuários e, principalmente, pela qualidade e eficiência da infraestrutura e dos seus edifícios. Para conhecer esse modelo inovador, visitamos o parque e conversamos com representantes da Bresco e de algumas das empresas instaladas no local. Confira no vídeo a seguir:

Fonte Oficial: Exame.

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.