Motorola lidera com o maior número de opções nesta faixa, mas consumidor deve avaliar conjunto de funcionalidades antes de decidir sua compr

A associação de consumidores Proteste avaliou os principais smartphones que se encaixam na categoria “intermediários”, que são os aparelhos com preços mais acessíveis quando comparados aos topo de linha como Samsung Galaxy S9 e o iPhone XS. Segundo a organização, foram escolhidos 11 dispositivos “de entrada” para a avaliação com preços até R$ 1.500. Vale destacar que todos os aparelhos listados possuem o sistema operacional Android.

Foram avaliados itens como duração de bateria, qualidade sonora, tela e câmera, entre vários outros. Para isso, os aparelhos foram separados de acordo com seis perfis comuns de preferência de usuários: barato e bom; valor máximo de R$ 1.500; bateria duradoura; tela grande; proteção contra água e poeira, e câmera.

Os melhores em bateria

Juntamente com tela de qualidade e câmera de boa resolução, uma das características mais procuradas em um celular é uma bateria de longa duração, que não deixa o usuário na mão no meio do dia. Embora os chipsets mais modestos de hoje em dia consigam otimizar o uso de energia consideravelmente, trata-se, na verdade, de um quesito que evolui lentamente, se comparado à tecnologia.

Apesar disso, alguns produtos se destacaram com desempenho extraordinário – caso, particularmente, do LG K10 Power Dual, uma das três escolhas certas nominadas pela Associação, que suportou mais de 40 horas de uso. Também se saíram bem o Samsung J7 Prime, Samsung J8 e Moto G6 Play, registrando mais de 30 horas ininterruptas.

As melhores telas

Já no que se refere às telas, embora evidentemente as diferenças entre modelos premium e os mais baratos continuem grandes, o avanço da tecnologia está diminuindo essa disparidade. Em termos de tamanho, os produtos Moto G6 Plus, Moto G6 e Samsung J8 possuem as maiores telas, com 5.9, 5.7 e 6, respectivamente. O Samsung J8 mostrou ter o melhor aproveitamento de sua parte frontal, com 75,8%, seguido pelo Moto G6 Plus, com 74,4%. Porém, este último se destaca devido à qualidade da tela e contraste diferenciado.

As melhores câmeras

Referente às câmeras frontais, o Moto X4, Moto G6 e Moto G6 Plus saíram na frente. Já na câmera traseira, o Moto X4 se sobressaiu, além de ser o melhor dessa avaliação. Este modelo também conquistou o título do mais resistente à poeira e à água, em que os modelos G6 Plus e G6, também da Motorola, foram bem.

Segundo a Proteste, a Motorola é a fabricante que entrega as melhores opções para quem deseja o produto com maior custo benefício na faixa de preço de até R$ 1.500. Seus três smartphones (G6 Plus, X4 e G6, em ordem de pontuação geral no teste) vêm com a última atualização do sistema operacional, têm boas câmeras frontais e, especialmente no caso do X4, a câmera traseira também. Além disso, demoram relativamente pouco para carregar.

Para quem busca aparelhos mais baratos, a Associação indica os que custam menos de R$ 800 e mantêm uma boa qualidade, como o Samsung J6, LG Q6 e LG K10 Power Dual. Eles trazem softwares atualizados e câmeras aceitáveis, além de todas as outras funções básicas consideradas necessárias. Por isso, não à toa, são as escolhas certas da avaliação.

 

 

Fonte Oficial: IDG Now!.

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.