Da Redação

22 de novembro de 2018 – 15h00


O grupo acusava a empresa de streaming de violação de direitos autorais por conta de estátua de Baphomet que aparece na série original lançada em outubro

O Templo Satânico chegou a um acordo com o Netflix após processar a empresa por violação de direitos autorais por conta de uma estátua de Baphomet que aparece na série O Mundo Sombrio de Sabrina. As informações são da Variety.

Segundo a reportagem, a organização religiosa anunciou nesta quarta-feira, 21/11, que o Netflix concordou em reconhecer elementos copiados da estátua em questão nos créditos do seriado citado acima, que estreou no fim de outubro no serviço.

No entanto, conforme a própria Variety, outros detalhes sobre o acordo entre as partes não foram revelados pelo Templo Satânico por conta de uma cláusula de confidencialidade.

A organização alegava na ação judicial contra o Netflix que um total de quatro episódios da série original O Mundo Sombrio de Sabrina traziam uma estátua de Baphomet que era muito parecida com uma construída pelo Templo entre 2013 e 2014 a um custo estimado de 100 mil dólares, aponta o site.






Fonte Oficial: IDG Now!.

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.