Em outro destaque, a publicação trata da capacitação e da motivação de equipes a distância no varejo
(Arte: TUTU)

Fazer a gestão de pessoas de forma remota é um dos grandes desafios que empresas de diferentes portes enfrentam com o aumento do trabalho remoto por causa da pandemia de covid-19. Por isso, a revista C&S de outubro e novembro aborda a reinvenção na liderança com a adoção do home office por empresas que nunca haviam trabalhado dessa forma antes.

A matéria da edição de número 68 mostra que no momento a gestão das empresas está cada vez mais focada em estratégias de humanização e empatia. Dessa forma, aumentam as chances do colaborador e da empresa terem resultados positivos.

Saiba mais sobre outros aspectos trabalhistas:
Home office – muito mais que trabalho em casa
Prorrogados os prazos para suspensão de contrato de trabalho e reduções de jornada e salário
Como a LGPD afeta as relações de trabalho?

Em outro destaque, a publicação trata da capacitação e da motivação de equipes a distância no varejo, que precisou criar canais digitais de venda para sobreviver na pandemia. Cursos e workshops foram adaptados para o treinamento dos colaboradores, que contou com a ajuda de plataformas virtuais.

Para os estabelecimentos que continuam a atender presencialmente, a revista dá dicas sobre os protocolos de saúde e higiene a serem seguidos. É que a adaptação para o retorno à atividade vai além do uso de álcool em gel e do controle de público nas lojas.

A C&S é produzida e editada bimestralmente pela FecomercioSP. O conteúdo é exclusivo para associados. Para ter acesso ao boletim, clique aqui.

 

Fonte Oficial: FecomercioSP

Comentários

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.