publicado:
20/08/2019 10h30


última modificação:
20/08/2019 11h47

Na manhã da última sexta-feira (16), após troca de informações entre a Aduana Norte-Americana e a Aduana do Brasil, a Inspetoria da Receita Federal no Porto do Pecém/CE, apreendeu 330 kg de cocaína que estavam dentro de bolsas em um carregamento de mel, com destino à Bélgica.

A droga foi identificada no segundo escaneamento realizado pela Equipe de Vigilância e Repressão (EVR), com a suspeita da prática criminosa conhecida como rip-off loading, em que a droga é inserida em carga regular, sem o conhecimento do exportador, após o despacho.

A apreensão é resultado do aprimoramento do trabalho de análise e gerenciamento de risco e uso intensivo de tecnologia pela Receita Federal na aduana, com investimentos efetuados de forma contínua, com a utilização do narco teste, uso de cães farejadores e scanner de alta precisão, além da parceria com aduanas internacionais e capacitação dos servidores.

A droga foi encaminhada à Polícia Federal para prosseguimento da investigação.

Fonte Oficial: Receita Federal

Comentários

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.