A fumaça de queimadas atingiu três rodovias no interior de São Paulo, entre a tarde de sábado, 27, e a madrugada deste domingo, 28. Na rodovia Castelo Branco (SP-280), os motoristas enfrentaram dois pontos com muita fumaça, na noite de sábado. No km 77, em Itu, o fogo atingiu uma área de cerrado à margem da estrada e a fumaça reduziu a visibilidade de quem estava na rodovia. Motoristas relataram que, mesmo com os vidros fechados, o cheiro de mato queimado chegava a ser sufocante. Outra queimada foi registrada no km 38, em Santana de Parnaíba.

Em Marília, uma queimada de grandes proporções atingiu uma área do bairro Maracá e a nuvem de fumaça chegou à rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294). As chamas foram combatidas pelo Corpo de Bombeiros. Na rodovia Washington Luiz (SP-310), em São Carlos, um incêndio causou transtornos aos motoristas. Uma densa nuvem de fumaça invadiu a pista, reduzindo a velocidade, sobretudo na pista capital-interior. Os bombeiros mobilizaram equipes para apagar o fogo. Em nenhum dos casos houve acidente.

Entre a manhã de sábado e a madrugada deste domingo, os satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) detectaram 24 focos de incêndios no Estado de São Paulo. No mês de julho, até domingo, foram registradas 322 queimadas, 11% a mais que no mesmo período de junho, quando eram 290. Em maio, tinham sido 81 queimadas. Neste domingo, ainda havia focos ativos em nove cidades do interior – quatro em áreas de mata atlântica e cinco em capoeiras de cerrado.

Fonte Oficial: Isto É Dinheiro

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.