Evento coletará dados sobre as safras de soja e milho

Atenta ao cenário do agronegócio nacional, a VLI, empresa de soluções logísticas que integram terminais, ferrovias e portos, é novamente patrocinadora do Rally da Safra, um dos maiores eventos do setor e a principal expedição técnica para monitoramento da safra de grãos do país. A largada da edição 2020 do Rally, a 17ª de sua história, aconteceu ontem, dia 13 de janeiro, em Sinop, no Mato Grosso. Neste ano, a expectativa é de que durante os 70 dias de viagem previstos, 11 equipes formadas por técnicos e especialistas percorram mais de 100 mil quilômetros e visitem cerca de 3 mil produtores rurais distribuídos pelas principais regiões produtoras de soja e milho do país. Ou seja, o Rally cobrirá 95% da área destinada à produção de soja e 72% do total destinado à lavoura de milho em território brasileiro.

A VLI dispõe de infraestrutura altamente qualificada para receber a nova safra, com investimento contínuo realizado ao longo dos últimos cinco anos e que soma um aporte total de R$ 9 bilhões. Grande parte desse investimento contempla ativos em Uberaba (MG) e Porto Nacional (TO), terminais de transbordo erguidos em Araguari (MG), Pirapora (MG), Guará (SP) e Palmeirante (TO); melhorias nos trechos das ferrovias Norte-Sul e Centro-Atlântica, sob sua concessão; aquisição de novos vagões e locomotivas; e benfeitorias em portos em São Luís (MA), Barra dos Coqueiros (AL) e Santos (SP), onde a companhia ampliou o Tiplam (Terminal Integrador Portuário Luiz Antonio Mesquita) e aumentou a capacidade de exportar granéis agrícolas e importar fertilizantes para 14,5 milhões de toneladas por ano.

Nos terminais integradores (TI) de Uberaba, no Triângulo Mineiro, e de Porto Nacional, ambos construídos nos últimos dois anos pela VLI, a capacidade de movimentação de grãos e açúcar é de cerca de 9 milhões de toneladas por ano. Atualmente, a empresa é responsável por movimentar cargas de produtores rurais em 10 estados brasileiros e no Distrito Federal, além de fomentar o desenvolvimento do agronegócio na região Centro-Norte. Toda a estrutura da empresa conta com eficiência operacional baseada em localização estratégica, tecnologia de ponta, infraestrutura e profissionais capacitados para criar soluções que representem rapidez no transbordo de cargas com destino aos principais portos do país. Para se ter uma ideia, a construção dos terminais da companhia possibilitou que o tempo de carregamento de um trem em algumas regiões fosse reduzido de 3 dias para uma média de 5 horas.

“A VLI segue apoiando o Rally da Safra pois acredita que esta iniciativa contribui para o desenvolvimento e competitividade do agronegócio brasileiro. É também uma grande oportunidade para mostrar aos produtores que a VLI possui infraestrutura de qualidade para escoar produtos em diversas regiões do país”, explica a Gerente Geral de Inteligência Comercial da VLI, Denise Balvedi.

Assessoria de Imprensa

Fonte Oficial: Cargo News

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.