A taxa de ocupação nos primeiros 30 dias foi de 87%. Isso é explicado em parte do potencial turístico do Brasil e do Chile, o primeiro, amor por suas praias e clima; enquanto o segundo atrai apreciadores de vinho e os amantes da natureza

BRASIL.- A rota Santiago-São Paulo, oferecida pela SKY, a melhor companhia aérea de baixo custo América do Sul, completou um mês ontem (17.01). Embora a companhia aérea opere no país desde novembro de 2018, a rota para São Paulo foi a última rota a ser implementada e os números são encorajadores, de acordo com relatórios da SKY.

“O Brasil é um mercado com significativo potencial de desenvolvimento para nós, dada a relação entre os dois países. Além disso, o Chile e o Brasil também se reforçam mutuamente do ponto de vista turístico, porque os chilenos gostam das praias do Brasil e os brasileiros, da neve; portanto, esperamos que nossos voos mantenham e até mesmo excedam a taxa de ocupação estimada “, disse o CEO da SKY, Holger Paulmann.

A alta demanda por voos é justificada, já que o Chile é um país atraente para brasileiros não só pela proximidade, mas também por ser um país cheio de história, boa gastronomia e vinhos. Além disso, são as paisagens naturais de norte a sul, como a Cordilheira dos Andes, o Deserto do Atacama e as Torres del Paine, entre outros. Os brasileiros que gostam de vinho, por exemplo, podem, a pouco mais de três horas voo, visitar as vinícolas e experimentar as melhores produções do chamado “Novo Mundo”. Para quem prefere esquiar no inverno, o Chile é líder em esportes de neve de inverno reconhecidos a pouco mais de uma hora de Santiago.

“Nosso principal objetivo é democratizar os céus com passagens acessíveis a todos; tornar o transporte aéreo um espaço de inclusão em toda a América do Sul”, disse Paulmann.

As rotas para o Brasil são operadas com a nova frota de aeronaves A320neo, a mais nova e moderna de uma companhia aérea de baixo custo na América do Sul. Estas aeronaves destacam-se por sua eficiência no consumo de combustível, segurança e menor impacto no meio ambiente.

Atualmente, a companhia aérea eleita a melhor low cost da América Latina oferece seis voos semanais para o Rio de Janeiro (todos os dias menos às terças-feiras), a partir de Santiago. Para Florianópolis, são quatro voos semanais (às terças, quintas, sábados e domingos), saindo de Santiago. E para São Paulo, mais cinco, totalizando 15 voos semanais, conectando o Brasil ao Chile.

Assessoria de Imprensa

 

Fonte Oficial: Cargo News

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.