BRASÍLIA  –  (Atualizada às 18h34) A 1ª Turma da Câmara Superior do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) validou uma multa de 150% (qualificada) sobre Imposto de Renda (IRPJ) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) cobrados da amortização de ágios provenientes do processo de fusão entre a Ambev e a InBev. O mérito já está em discussão no Judiciário.

Fonte Oficial: Valor.

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.