O Banco Central prorrogou hoje, por meio do Ato de Diretor nº 651, o prazo para conclusão do inquérito instaurado na Gradual Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários. A prorrogação é por 30 dias, a contar a partir de 26 de março.

Em liquidação extrajudicial desde maio de 2018, a Gradual tem sede na cidade de São Paulo.

Na época, o Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) apurou que a liquidação havia sido decretada em função de operações irregulares na área de câmbio. A instituição também estava com patrimônio negativo próximo de R$ 1,6 milhão.

O ato desta quarta está assinado pelo diretor de Organização do Sistema Financeiro e Resolução do BC, João Manoel Pinho de Mello.

Fonte Oficial: UOL

Comentários/Comments

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.