Notícias

Aduana

As máscaras de proteção individual foram liberadas 1h15 após o registro da declaração da mercadoria.


publicado:
08/04/2020 19h29


última modificação:
08/04/2020 19h47

No dia 8 de abril, a equipe do Serviço de Despacho Aduaneiro (Sedad) da Alfândega da Receita Federal em São Paulo, localizada no recinto alfandegado Clia Multilog Mooca, na zona leste da capital paulista, garantiu, rapidamente, a entrega de 275 mil máscaras de proteção individual.

A mercadoria, proveniente da China, teve sua declaração de importação registrada às 9h30, sendo desembaraçada e liberada para entrega às 10h45. Assim que teve a declaração registrada, a equipe imediatamente realizou todos os trâmites necessários para que a carga fosse liberada com prioridade.
As máscaras de proteção têm sido amplamente utilizadas na tentativa de evitar a disseminação  da Covid-19.

O tratamento simplificado e prioritário às cargas destinadas ao combate do coronavírus está sendo possível graças ao trabalho e empenho da Receita Federal em adotar medidas para o enfrentamento da emergência de saúde pública causada pela pandemia.

MASCARAS CODIV-19.jpg

Fonte Oficial: Receita Federal

Comentários

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do VIP CEO.